“Fernando:
Estive presente no funeral do amigo Fernando Duarte. Foi o último ADEUS e os seus amigos da “Velha Guarda” estiveram presentes, para um “até logo”, amigo Fernando. Esposende, está coberto de um manto de tristeza porque o Duarte deixou-nos. Era um grande jogador de futebol, rápido, tecnicista e de um “fair play” ímpar. Joguei anos com o Duarte na ribeira, no campo do Pinto, Emilinho, Junqueira…fintava tudo, só não fintou a “maldita morte”!
Paz à sua Alma. O Paraíso é para os Bons e ele, como homem Bom, estará lá porque merece.
Um abraço
Carlos triste….”