Todos os dias visito o “meu Largo dos Peixinhos” com tudo o que há nele, do seu misticismo do meu tempo de criança.
Está a transformar-se, a lavar-se, a enxugar-se, deixando a sua “cara suja” de outrora.
Era aquela paisagem lunar, sem sentido, uma aberração arquitectónica e paisagística que ofendia todos nós, ribeirenses da minha geração e não só!…
Pessoalmente, envio os meus parabéns à Câmara Municipal de Esposende, na figura do seu presidente J. Cepa que prometeu e cumpriu.
A Junta de Freguesia de Esposende ajudou porque é Ribeirense e tem o pulsar da nossa “alma esposendense”.
A minha geração, em especial, agradece à sensibilidade demonstrada na requalificação deste espaço que fica com um “rosto” aproximado ao do antigamente.
Carlos Barros, por sinal, também Lima…
Anúncios