VISITA AO MERCADO, COOPERATIVA E ASSOCIAÇÃO DE PESCADORES DE ESPOSENDE

Esposende sentiu hoje os sons e a voz da pré-campanha eleitoral do PSD.

Manhã cedo, hora do mercado municipal, os Candidatos do PSD Miguel Macedo, Fernando Negrão, Penteado Neiva e Hugo Soares, acompanhados por dezenas de militantes, estrutura de campanha e a JSD, visitaram o movimentado Mercado Municipal frequentado, na altura, por centenas de pessoas. Foi um acolhimento afável, de grande incentivo para se acreditar que ESTÁ NA HORA DE MUDAR. Era uma voz quase que unânime e muitos foram os que quiseram dizê-lo pessoalmente aos candidatos nomeadamente a Miguel Macedo.

Pelas 10 horas a comitiva seguiu para o Cooperativa de Esposende onde era aguardada pela Direcção da mesma que se regozijou por ser a primeira vez que uma estrutura política escolhia esta instituição para visita.

Depois de uma visita guiada pelo Presidente da Assembleia Geral às instalações, candidatos e dezenas de acompanhantes tiveram a oportunidade de se reunirem no salão nobre onde presidente da Cooperativa Agrícola, Luís Alves pediu ao cabeça de lista por Braga do PSD, Miguel Macedo, que um futuro governo liderado por Passos Coelho “apoie a agricultura local”, pois esta foi duramente ”esquecida pelo actual Governo socialista”. Foram apresentados os futuros projectos da Cooperativa nomeadamente a construção de um Centro de Recolha Hortícola em Apúlia pois Esposende é e continuará a ser uma referência regional e mesmo nacional nesta área.

Miguel Macedo lembrou que Esposende tem, de facto, excelentes empresários do ramo, na área da horticultura, da produção de leite e lembrou, por exemplo, que a manteiga dos Lacticínios das Marinhas é “uma das melhores do mundo, usada em todos os restaurantes de luxo”.

O candidato, que não quis fazer promessas, enalteceu a actividade da Cooperativa, nomeadamente o projecto de construção do desejado Centro de Recolha na zona da Apúlia pois irá favorecer a comercialização dos produtos da terra.

A manhã terminou com a visita dos candidatos às docas de pesca de Esposende acompanhados por pescadores que mostraram a sua indignação pelo estado de assoreamento a que as mesmas chegaram. A visita acabou com uma reunião na sede da Associação dos Pescadores de Esposende os quais apresentaram as suas preocupações e anseios entregando a Miguel Macedo alguns documentos, a título de memorando, de assuntos que gostariam ver resolvidos.
Anúncios