Fonte: Jornal de Notícias
Vítor Nóvoa, antigo guarda-redes do F. C. Porto e durante largas épocas adjunto do treinador Jaime Pacheco, morreu este sábado, aos 49 anos, no IPO de Coimbra, vítima de doença prolongada.
 
foto DR
Morreu Vítor Nóvoa, antigo guarda-redes do F. C. Porto
 
A poucos dias de completar 50 anos, Vítor Nóvoa, que nasceu em Esposende, no dia 17 de Agosto de 1961, não resistiu a um cancro.

Ex-guarda-redes do F. C. Porto, com passagens pelo Vila Real, Académica, V. Guimarães e Desportivo de Chaves, notabilizou-se também como adjunto de Jaime Pacheco, contribuindo para os anos dourados do Boavista.
O corpo de Vítor Nóvoa encontra-se em câmara ardente na Igreja do Foco, no Porto. O funeral sai amanhã, segunda-feira, pelas 15 horas, rumo ao Cemitério de Agramonte.

Anúncios