Paulo Gonçalves
Equipa Bianchi Prata termina mais um Rally Dakar

A décima quarta e última etapa do Dakar 2012 foi hoje efetuada, tendo ligado Pisco a Lima. Com uma pequena especial de 29kms e 254kms de ligação; a especial contou com pistas mais rolantes e rápidas.
O piloto Paulo Gonçalves obteve o 25º lugar e terminou o Dakar em 26º. O piloto da Husqvarna Rallye Team by Speedbrain teria muito provavelmente conquistado um lugar no top 5, se não tivesse sofrido a penalização de 6h.
Pedro Bianchi Prata atingiu hoje o 31º lugar. O piloto da Equipa Bianchi Prata alcançou o 42º lugar na classificação geral. O piloto comenta a etapa de hoje e tece uma retrospectiva sobre o Rally Dakar 2012: “Chegou ao fim mais um Dakar, a missão foi cumprida, mas os objectivos não. Mas o Dakar é mesmo assim, tudo pode acontecer. Foi um Dakar duro e quem chegou ao final foi bem merecido. A equipa trabalhou muito bem e sem eles nada disto era possível, um grande obrigado ao Sr. Elias, ao Lino e à Sandra. Quero agradecer a todos os patrocinadores que tiveram connosco e que nos continuam a apoiar pois foram eles que tornaram este Dakar uma realidade. “
A Plaza de Armas de Lima foi decorada a fim de receber os 100 pilotos que terminaram o Rally Dakar 2012, uma das edições mais difíceis de sempre.
Após 8363 kms de intenso esforço nos países sul-americanos Argentina, Chile e Peru, toda a Equipa Bianchi Prata está de parabéns pelos quinze dias de competição na maior e mais dura prova de TT do mundo.

Texto: Gabinete de Imprensa Bianchi Prata – Beatriz Martins
Fotos: Theo Ribeiro
Anúncios