Presidente da Câmara Municipal de Esposende inaugurou Centro de Solidariedade Social de Gemeses
A freguesia de Gemeses esteve, ontem, em festa, com a inauguração do Centro de Solidariedade Social, uma cerimónia presidida pelo Presidente da Câmara Municipal de Esposende.
O equipamento resulta da requalificação e ampliação da antiga escola EB1/Jardim de Infância do Souto, cujas obras corresponderam a um investimento de aproximadamente 170 mil euros, inteiramente suportados pela Câmara Municipal.
O Presidente João Cepa assinalou o enorme esforço da Autarquia, numa altura de parcos recursos financeiros, fruto da difícil conjuntura e da quebra de receitas municipais, algumas das quais, revelou, caíram cerca de 70% em três anos, obrigando o Município a fazer uma “ginástica inacreditável”.
Antevendo que as dificuldades perdurem no tempo, o Autarca afirmou que “não há autarca do presente nem que se proponha para o futuro que, de uma forma séria, possa assumir grandes compromissos de execução de grandes e médios investimentos nas freguesias”.
João Cepa aproveitou a oportunidade para elogiar o trabalho desenvolvido pela Junta de Freguesia de Gemeses, enaltecendo, simultaneamente, a prestação das restantes autarquias do concelho, assim como a compreensão dos autarcas face às restrições financeiras da Câmara Municipal. Não obstante a difícil conjuntura, assinalou, o Município respira boa saúde financeira, tendo transitado para 2012 sem facturas por pagar e tendo conseguido, em 2011, amortizar o endividamento de médio/longo prazo em cerca de 700 mil euros.
Referindo-se ao novo equipamento, o Presidente da Câmara Municipal desafiou os responsáveis do Centro de Solidariedade do Centro Social a dinamizarem o espaço, regozijando-se com a intenção da Direcção de alargar a intervenção à comunidade idosa, através da criação de um centro de convívio.
A terminar a sua intervenção, João Cepa agradeceu aos autarcas locais, dirigentes associativos e demais população a ajuda e atenção dispensadas durante os anos em que esteve na presidência da Autarquia.
Por seu lado, o Presidente da Junta de Freguesia de Gemeses manifestou-se satisfeito com a concretização de “uma obra marcante para a freguesia”, realçando a importância do novo equipamento no apoio às áreas da educação e acção social, e destacou o trabalho que tem vindo a ser desenvolvido pela Câmara Municipal nestas vertentes. José Augusto Sousa lembrou que os encargos da obra foram inteiramente suportados pela Câmara Municipal “sem imposições ou pressões de qualquer Troika ou de qualquer lei dos compromissos”.
A Presidente da Direcção do Centro de Solidariedade Social de Gemeses manifestou-se igualmente satisfeita pela concretização da obra, um espaço com as valências de Jardim-de-Infância, Centro de Actividades de Tempos Livres (CATL) e multiactividades para crianças dos 10 aos 12 anos, estando em perspectiva a criação de uma sala de convívio para a terceira idade, projecto que está a dar os primeiros passos no âmbito do projecto “Dar Vida aos Anos”, da responsabilidade da empresa municipal Esposende 2000.
Apesar da conjuntura desfavorável e das dificuldades com que a instituição se debate, Lurdes Carvalho manifestou a esperança de que, com empenho e dedicação, o projecto do Centro de Solidariedade Social se possa expandir. Por fim, agradeceu à Câmara Municipal de Esposende e à Junta de Freguesia de Gemeses todo a ajuda prestada, afirmando que “a nossa existência depende, em grande parte, do vosso apoio”.


Centro de Comunicação e Imagem da CME