“Esposende Eco Emotions 2012”

Município aposta nos desportos de natureza para dinamizar o turismo do concelho
Indo de encontro às linhas orientadoras do Plano Estratégico de Desenvolvimento do Turismo de Esposende, que aponta a trilogia “natureza, tranquilidade, mar” em detrimento do produto “sol e praia”, a Câmara Municipal, em parceria com várias entidades, criou um evento designado “Esposende Eco Emotions”, que se propõe atrair gente a Esposende por via dos desportos de natureza.
Considerando as excelentes condições naturais do concelho, o “Esposende Eco Emotions” aposta na realização de provas de várias modalidades, nomeadamente Kitesurf, Corridas de Aventura, Surf, Bodyboard, Triatlo e Canoagem, aliando a prática de actividades desportivas diferenciadoras ao contacto com a natureza, proporcionando a vivência de diferentes emoções e sensações.
Na sessão de apresentação do evento, que decorreu esta manhã, no Fórum Municipal Rodrigues Sampaio, o Vereador do Desporto e Turismo da Câmara Municipal de Esposende destacou a importância da iniciativa como factor de atractividade e enquanto produto turístico diferenciador. Rui Pereira vincou que “Esposende tem condições físicas e naturais com grande potencial de desenvolvimento”, pelo que “urge organizar a oferta, embrulhar o que de bom temos e tornar estes atributos nos denominados produtos turísticos”.
Rui Pereira afirmou que “Esposende é um dos melhores destinos da Europa para a prática do Kitesurf” e referiu que “os rios Cávado e Neiva são atributos que importa explorar e potenciar”, assim como as praias do concelho com bandeira azul. Destacou o crescimento da rede municipal de percursos pedestres e lembrou que o Município tem investido em infra-estruturas que permitem a prática desportiva, orientada e de lazer, designadamente as ciclovias e as zonas pedonais.

O Vereador apontou o Encontro Luso-galaico de BTT que, este ano, teve perto de 3000 participantes, como um grande evento desportivo que tem contribuído para a afirmação de Esposende, perspectivando igual sucesso relativamente ao 1.º Triatlo “Esposende, Um privilégio da Natureza” – que se realizará em Julho e onde são esperados cerca de 500 atletas, bem como às diversas provas de canoagem que integram o calendário do Esposende Eco Emotions”.

Aproveitando a presença do representante da Entidade Regional do Turismo Porto e Norte de Portugal, o Vereador pediu apoio na promoção turística de Esposende, “um concelho diferente, que ser inovador e atractivo”. Deixou ainda um apelo à união de esforços entre os agentes envolvidos na promoção das várias modalidades desportivas e agradeceu a todos os parceiros o empenho e colaboração na dinamização do “Esposende Eco Emotions”.
António Cândido, da Turismo Porto e Norte, considerou o evento um “produto estratégico” que vai de encontro à filosofia do turismo náutico delineada pela Entidade Regional, e realçou as “condições fabulosas” de Esposende para a prática das modalidades desportivas propostas. Felicitou a Autarquia pela iniciativa e garantiu apoio na promoção do evento.
O Presidente da Federação de Triatlo de Portugal, José Luís Ferreira, manifestou satisfação por ver regressar ao concelho uma prova da modalidade e afirmou que “Esposende é um estádio excepcional, com beleza natural e qualidade de organização urbana” para o triatlo.
O Presidente da Federação Portuguesa de Canoagem destacou as “condições únicas” do concelho para a prática da modalidade em várias vertentes, lembrando que foi em Esposende que a disciplina de Kayak de Mar deu os primeiros passos. Mário Santos aproveitou a oportunidade para enaltecer “o enorme valor dos atletas e dos clubes de Esposende”, bem como o apoio que a Câmara Municipal lhes tem dado, considerando que “está aí um dos factores principais do sucesso da canoagem”.
Ana Monteiro, representante da Surf Rider Foundations, manifestou agrado por a organização estar associada ao evento e defendeu a união de esforços como factor preponderante para o sucesso dos desportos de água no concelho.
Por sua vez, Tiago Rocha, representante da Federação Portuguesa de Kite, salientou as condições naturais de Esposende para a prática da modalidade, que atraem já largas dezenas de praticantes, não só de Portugal como também de outros países. Manifestou o desejo de que a modalidade possa ter ainda mais expressão em Esposende, tornando-se uma fonte maior de captação de turismo.
O “Esposende Eco Emotions 2012” conta com a parceria das seguintes entidades: empresas municipais Esposende 2000 e Esposende Ambiente, Federação de Triatlo de Portugal, Federação Portuguesa de Canoagem, Grupo Cultural Desportivo e Recreativo de Gemeses, Clube Náutico de Fão, Associação Rio Neiva, Surf Rider Foundations, Escolas de surf Onda Magna, H3O, Quilhas e Barbatos, Secção de Surf da Associação Desportiva de Esposende, Federação Portuguesa de Kite, Escola de kite “surf .com”.
Serviço de Comunicação e Imagem da CME